18/05/2021

Conquistei meu cantinho! E agora?

Finalmente! Morar só, ter o seu próprio cantinho arrumado do jeito que quiser e ter toda a liberdade dentro de casa, um sonho para muita gente. 

Pois bem, depois de planejar e tomar coragem de conquistar seu apê, você conseguiu e essa é uma conquista e tanto, mas e agora, o que mais é preciso fazer? Quais são as prioridades, o que é importante se atentar e como organizar esse momento de mudanças e um novo caminho?  

É comum se desorientar um pouco nesse momento, então viemos aqui te ajudar! Reunimos algumas dicas valiosas pra esse momento de conquista e autonomia poder ser bem aproveitado. Olha só:

Faça uma reserva financeira

 

  Por se tratar de um novo momento, podem surgir gastos e obrigações que ainda não estamos acostumados a lidar. Para isso, o melhor remédio é sempre prevenir! Manter uma reserva de dinheiro pode te ajudar a não passar apuros e ter que abandonar sua casinha caso algum imprevisto ocorra. 

Faça um planejamento financeiro considerando reparos em eletrodomésticos, aquisições de móveis e dinheiro para reparos técnicos na sua casa! 

 

Pesquise bem os imóveis

 

  Quais são as suas prioridades? Há quem prefira morar pertinho do trabalho, assim como muita gente opta por uma casa maior, em um bairro mais tranquilo e longe dos centros. Pense em como você se locomoveria a partir de cada imóvel e faça os cálculos desses deslocamentos – às vezes gastar um pouquinho mais pode ser compensado pela economia de transporte! 

  Seja realista com o quanto pode gastar! Todo mundo quer uma cobertura com piscina, mas pode ser que não caiba no seu bolso por agora.

 

Luvas e aventais pra montar o lookinho!

 

  Você sabe lavar roupa? E cozinhar? Sabe manter a casa limpa? Então mão na massa! Talvez você possa pagar alguém para fazer isso por você, mas, convenhamos, é muito mais  interessante dar conta das tarefas domésticas por conta própria, né?

 

 Decore a sua casa do seu jeitinho! 

 

  O lugar que você habita e ocupa vai ser muito mais gostoso e bem aproveitado se tiver sua marquinha em cada cantinho. Decorar é aconchegar, é imprimir quem você é nas paredes e no clima da casa. E você não precisa gastar muito pra isso! Existem muitas formas de faça-você-mesmo inovadoras que deixam seu espaço lindo mesmo com poucos recursos! 

 

Tamanho é documento (e economia!)

 

  Você pode pensar: ah, sou só eu, não tem necessidade de um freezer grande ou de uma super máquina de lavar roupas… Com o tempo, você vai receber visitas, criar rotinas de cozinhar em casa, lavar roupas de cama, toalhas, cortinas e isso precisa ser considerado. Mesmo sendo mais caros em um primeiro momento, é importante ter eletrodomésticos que vão atender às suas necessidades. Podem até gerar uma boa economia!

Nada de empurrar a sujeira pra debaixo do tapete

 

  Tem noites que rola aquela preguicinha de lidar com a louça e tudo bem organizá-la no dia seguinte, mas você não pode esquecer que essa função é sua e é melhor evitar acúmulos. Uma rotina de limpeza pode te ajudar a organizar e manter sua casa sempre gostosa pra você! 

Baby steps

 

  Uma casa é muita coisa, ufa! E sempre vai faltar uma coisinha – e tá tudo bem! Aos pouquinhos seu lar fica completo. Priorize aquilo que considera essencial no início e vá sentindo o que é mais urgente de adquirir. Planejamento segue sendo a chave do sucesso! 

Vizinhança amiga é uma extensão do lar

 

  Uma rede de apoio é fundamental – seja no trabalho, na família ou entre grupos de amigos. Outra relação muito valiosa que se constrói com o tempo e colaboração mútua é com seus vizinhos! Uma vizinhança que se ajuda estabelece fortes conexões de solidariedade e pode salvar em qualquer emergência.

Sem nome no SERASA, por favor! 

 

  Você tem ideia de quanto vai gastar nas contas de energia e água? Sabe o preço do gás? E tem ideia de quanto está o quilo do feijão no supermercado? É legal se informar! 

Uma dica para se organizar é colocar todas as suas contas para vencer no mesmo dia, numa data que dê tempo do seu salário estar na conta para pagá-las. Aí vai ser mais fácil você se programar sem ter surpresas negativas no mês.

Desbrave as redondezas

 

   Ter um mapa mental dos pontos importantes próximos de casa é essencial: mercado, farmácia, hospital, pontos de ônibus, etc. Mas sua vizinhança vai ficar muito mais gostosa quando você encontrar seu restaurante preferido, um teatro pertinho de casa e uma pracinha perfeita pra ler um livro no fim de tarde. Caminhe pela região, vá sempre descobrindo o que a cidade te reserva! 

 

Aproveite muito essa fase!

 

  Ler tudo isso pode dar um frio na barriga, né? Mas respira fundo, junta a coragem, lembra dos seus desejos e segue em frente! Você vai aprender a gerenciar suas finanças, seus afazeres e cuidar de um espaço de forma autônoma e empoderadora – basta começar. 

 

Com certeza essa experiência também vai te ajudar a valorizar sua própria companhia e se conhecer cada vez mais a fundo. Curta muito o seu momento! Os bons ventos do seu cantinho vão chegando e deixando essa fase cada vez mais especial.

Pra você continuar lendo: